Como aprender a se comunicar com as pessoas: dicas e truques

Algumas pessoas se comunicam com dificuldade. Alguns podem falar em frente ao salão com um grande número de telespectadores, inspirar as pessoas com grandes idéias, trocar piadas em festas e instantaneamente encontrar novos conhecidos. Outras pessoas mal conseguem manter conversas cotidianas. No entanto, usando regras e exercícios simples, você pode aprender a se comunicar com as pessoas e alcançar os resultados desejados.

Por que você tem dificuldade em se comunicar?

Dificuldades na comunicação surgem para muitas pessoas por várias razões. No entanto, eles podem ser agrupados em quatro categorias principais:

  • Medo de falar em público ou comunicação com pessoas queridas;
  • Mal-entendido;
  • Nojo;
  • Falta de interesse.

Mal-entendido - Um dos maiores problemas que surge quando se lida com pessoas. Neste caso, as pessoas não podem iniciar uma conversa. Eles perdem uma cadeia de pensamentos e não são capazes de construir um diálogo construtivo. Para continuar a comunicação nesta situação, você precisa fazer um grande esforço. Mas se o interlocutor não deseja continuar a conversa, é mais fácil interrompê-lo.

Por exemplo, existem padrões geralmente aceitos de comunicação. Conversamos com o chefe em um deles, com parentes - do outro, com os subordinados - de forma bem diferente. Às vezes, esses modelos de comunicação são confusos, como resultado do qual as relações com o chefe e com pessoas próximas se deterioram.

A próxima categoria é medo de comunicação. As dificuldades de manter o diálogo estão associadas ao medo pessoal. Muitas vezes as razões para o surgimento do medo da comunicação estão enraizadas no resultado da experiência negativa no passado ou mesmo na sua ausência. Um dos principais medos é o medo do desempenho. Surge pela razão de que a pessoa não sabe como seu oponente reagirá ao seu discurso. Se, quando mal-entendido, a comunicação for interrompida por uma das partes, então, em caso de medo da apresentação, a comunicação pode nem mesmo começar.

A terceira categoria é desgosto e dificuldade de comunicação. Uma pessoa pode ser capaz de se comunicar e encontrar temas comuns com outras pessoas, sem ter nenhum receio. No entanto, o fato é que muitas pessoas bloqueiam a comunicação mesmo quando começam.

Por exemplo, há nojo da aparência. Nós todos sabemos que nos encontramos em roupas. As pessoas são repelidas por diferentes imagens externas, mas, acima de tudo, por pessoas que não se importam consigo mesmas. Mau hálito, roupa suja, cabeça suja - esta é uma descrição garantida do interlocutor com quem não se comunicam. Comunicar com uma pessoa com má reputação social também será desagradável. Este pode ser seu estilo de vida, declarações duras ou fatos da vida.

Última quarta categoria - interesse no interlocutor. Aqui tudo deve ser moderado. O interesse nele deve ser suficiente para manter a conversa, mas não excessiva. Suspeita de interesse excessivo. Com pouco interesse, a comunicação acaba sendo chata e sem graça. O interesse é o principal motivo da comunicação. Se for, então o diálogo pode ser bem sucedido. Caso contrário, todos os outros critérios não serão mais importantes.

Psicologia, como se comunicar com as pessoas

Na vida cotidiana, a comunicação é um componente importante. Na família, é necessário manter relações calorosas e uma atmosfera amigável, no trabalho, para desenvolver o seu próprio negócio e crescer ao longo da carreira. Se você aplicar as seguintes regras de comunicação, na vida você pode ter sucesso.

Dicas para os psicólogos se comunicarem com o interlocutor:

  • O interlocutor deve muitas vezes ser chamado pelo nome. Nome próprio para a pessoa é mais importante do que qualquer elogio.
  • Ao se comunicar, é aconselhável fazer perguntas importantes. É claro que ele não precisa conduzir um interrogatório, mas ele deve ser questionado de forma a limitar-se a respostas simples, como "sim" ou "não".
  • Provocação fácil na conversa não faz mal. Se você quiser perguntar sobre algo, então você precisa fazer algo sem se preocupar. Em uma conversa, é melhor deixar de lado os seguintes tópicos: más notícias, política, saúde, progresso na carreira, fofocas e erros de outras pessoas.
  • As pessoas devem se comunicar com entonação semelhante, no seu ritmo. Por exemplo, o chefe não precisa ficar entediado com as maneiras artísticas, e com sua amada esposa ou marido falar com funcionários subordinados.
  • É necessário falar com clareza, competência e firmeza. Para fazer isso, você precisa restringir as redes sociais, desligar a TV, gravar lixo literário e recorrer a documentários de alta qualidade ou revistas científicas populares. Neste caso, a literatura científica também não interferirá.
  • Existe um desejo de se comunicar? Precisa trabalhar com um discurso escrito. Os psicólogos acreditam que existe uma conexão direta entre a capacidade de se comunicar por escrito e verbalmente. Portanto, se uma pessoa é uma amante de redes sociais, limitada a emoticons durante a comunicação não é o melhor método para aprender a se comunicar.
  • Para uma comunicação adequada com as pessoas, use expressões faciais e gestos. Mas você precisa saber quando parar. Você não deve falar sobre uma viagem à África com uma cara séria, mas também não precisa gesticular como um moinho de vento.
  • Você pode manter a conversa somente se no processo o entrevistado estiver falando.

O conselho importante dos psicólogos é ser confiante e amar a si mesmo do jeito que é. Para se comunicar corretamente, você precisa estar confiante em seu discurso.

As pessoas precisam ser confiáveis, estar abertas. Pelo menos até que não se mostrem do outro lado. Por exemplo, um vizinho pode ficar incomodado com reparos diários e outros hábitos, mas pode ser um bom advogado ou um instrutor de fitness. Neste caso, você precisa manter a comunicação com ele, a fim de tirar proveito de suas habilidades e conhecimentos no momento certo.

Pare de temer a comunicação

A principal razão para o medo de se comunicar com as pessoas é o medo, que é baseado em não saber o que esperar dessa comunicação. Pode ser apresentado antes do início do diálogo. Mas se uma pessoa não é autoconfiante, ela a apresentará de maneira negativa. Como resultado, o medo faz com que você evite todos os tipos de comunicação com os outros.

Na comunicação, em primeiro lugar, a experiência é importante. Se não, então não há habilidades de conversação. Na ausência de experiência em comunicação, o desejo de comunicar desaparece e um círculo vicioso é obtido. Para quebrar esse círculo, você precisa ganhar habilidades de comunicação. Para fazer isso, você precisa sair da sua zona de conforto e enfrentar seu próprio medo. Existem várias técnicas para superar os medos na comunicação.

Exercício 1: perguntas.Pegue o ônibus e pergunte ao condutor para onde ele está indo. Pergunte se ele se cruza com a rua certa. Não deve haver medo. Não há riscos em tal questão. Essa é uma pergunta comum que o maestro deve responder sem problemas.

Exercício 2: ligue para a empresa.Assim que tiver tempo livre, pegue a lista telefônica e comece a ligar. Onde - não importa. Descubra como a organização funciona, em que cronograma, quais são os preços de seus produtos.

Se você não lidar com o diálogo, não há nada de errado com isso. Você sempre pode desligar, depois de dizer que o número errado. Todos os dias, ao fazer este exercício, você pode obter habilidades nesse tipo de comunicação. Você também começará a entender que as pessoas não são tão assustadoras quanto pareciam.

Exercício 3: treinamento nas lojas.Para consolidar as habilidades aprendidas dos dois exercícios anteriores, nos voltamos para as condições de campo e vamos para as lojas. Mas estamos envolvidos não em compras, mas em pequenos treinamentos. Ligamos para um consultor e começamos a aprender todas as sutilezas do dispositivo selecionado, por exemplo, um microondas, uma câmera de vídeo, um telefone e assim por diante.

Este é um excelente exercício, porque além de aprendermos habilidades de comunicação, nos livramos do medo ao conversar com estranhos e começamos a aprender a recusar.

Exercício 4: lute pelo constrangimento.Nós vamos para a farmácia. Para quê? Para comprar preservativos. Na verdade, não há nada de errado nisso. Basta ir à farmácia, lembre-se que a compra de preservativos, em primeiro lugar, pensa na saúde do seu parceiro.

Exercício 5: enquetes.Levantamento sociológico - é o que é necessário para consolidar as habilidades na comunicação. Para começar, tente formular uma pergunta que gostaria de fazer às pessoas ao seu redor. Inicialmente será difícil, porque ninguém gosta de interferir na privacidade. Mas não tenha medo de perguntar, não há nada de vergonhoso nisso. O resultado justifica os meios.

Com a ajuda de habilidades de comunicação, você poderá descobrir perspectivas e oportunidades enormes, não apenas em sua vida pessoal, mas também no trabalho. Não tenha medo de tentar se comunicar com as pessoas, transcendendo seus medos.

Exercícios para o desenvolvimento de habilidades de comunicação

Não é possível se tornar um mestre da comunicação em um dia, assim como em um mês. Mas, dominando exercícios especiais, você pode melhorar significativamente o seu nível de comunicação.

Escuta ativa.Se houver medo de comunicação, você só precisa aprender a ouvir. A regra de ouro: ouça o dobro do tempo que fala. Aprender a ouvir é necessário não apenas com os ouvidos, mas com todo o corpo. Isto é, envolva os olhos, expressões faciais, gestos. Se houver um mal-entendido, você deve parar a história do interlocutor e esclarecer o que ele tinha em mente;

Conversa não-verbal.Em psicologia, há um grupo de pessoas "inteiras". Estas são as pessoas que, juntamente com a apresentação da informação, estão gesticulando ao ritmo. Eles dizem exatamente o que sentem, portanto, o corpo reage corretamente às palavras. Mais atenção é dada à linguagem corporal do que à fala. Mas se o problema for resolvido gradualmente: primeiro prestando atenção às mãos, depois ao movimento das pernas, depois às expressões faciais, o problema logo será resolvido e a pessoa adquirirá um conjunto de linguagem corporal junto com a comunicação verbal;

Explicação da conversa.Durante a escuta ativa, isso é importante. Se o interlocutor fala e pelo menos alguma coisa se tornou incompreensível, ele deve ser perguntado novamente para esclarecer a situação. Através deste exercício, você pode mudar todos os motivos e objetivos da comunicação, bem como o interlocutor para deixar claro que o ouvinte está realmente ouvindo-o;

A formulação de perguntas.Inicialmente, você precisa prestar atenção à qualidade das perguntas feitas. Se eles estiverem fechados, o exercício de desenvolvimento de habilidades de comunicação não funcionará corretamente. As perguntas devem começar com as seguintes palavras:

  • Com que frequencia?
  • Por que
  • De que maneira?
  • Quanto custa
  • Quando?

Inicialmente, pode parecer difícil fazer perguntas. No entanto, quando o entrevistado começa a mostrar curiosidade sobre o adversário, essa habilidade se desenvolverá automaticamente.

Consciência é a base de qualquer habilidade. Afinal, graças ao desenvolvimento da habilidade, uma pessoa deixa de observar a si mesma e mergulha completamente na comunicação com o interlocutor. Graças à consciência, a pessoa deixa de criticar o interlocutor e começa a entender seus sentimentos. Essa técnica ensinará você a usar abordagens diferentes em vez de ter uma conversa padrão.

Nós começamos uma conversa com estranhos

Se uma pessoa começa a se comunicar com uma pessoa desconhecida para ele, ela se torna uma testemunha involuntária dos sentimentos e emoções de outras pessoas, experimentando-as também. Conversa padrão sobre o tempo pode evoluir para uma interação profunda. De fato, parece estranho para muitos que é possível ter e estabelecer contato pessoal com completos estranhos como esse. No entanto, essas interações podem causar ressonância emocional. Há várias dicas sobre como se comunicar com estranhos.

Dica 1: abrir interesse em outras pessoas.Cada uma das pessoas é uma pessoa única. Você deve analisar sua experiência de comunicação. É necessário entender que o interlocutor é mais interessante para se comunicar não com aquele que é mais esperto que ele, mas com aqueles que o ouvem e entendem. Esteja atento.

Dica 2: sorria.As pessoas que sorriem em termos de psicologia parecem mais atraentes. Um sorriso mostra o interlocutor que se comunica com ele, o interlocutor fica de bom humor e emoções positivas.

Dica 3: nome próprio - a palavra mais agradável para qualquer um. Se você chamar uma pessoa pelo nome, você pode fazer dele o mais simples elogio. O nome é uma individualidade. É por isso que muitas pessoas ficam irritadas quando alguém usa o nome delas, mudando para uma forma que não agrada.

Dica 3: habilidades de escuta.Ao se comunicar com estranhos, isso é importante. Poucas pessoas realmente sabem ouvir o interlocutor. Como regra, muitas pessoas apenas aguardam uma pausa para expressar sua opinião e não se aprofundam nas informações que o entrevistado queria transmitir. Se você ouvir atentamente até mesmo a um estranho e lhe fizer mais perguntas, o interlocutor mostra todo o seu interesse.

O que fazer se o interlocutor bydlovat?

Uma conversa com essa pessoa requer muita energia e deixa um resíduo desagradável na alma. Antes de iniciar uma conversa com pessoas com amor, avalie a situação.

Não responder aos comentários e não expressar atenção é a maneira mais fácil de sair da situação. Na maioria dos casos, o objetivo de uma pessoa bydlovat ofender o interlocutor ou insulto. Esse prazer deve ser privado dele. Você pode alterar o tópico da conversa ou ligar para outro interlocutor. Tal gesto significa falta de vontade de jogar pelas regras do interlocutor.

Algumas dicas sobre como manter um diálogo com pessoas com ditaduras:

  • Seja construtivo. Um interlocutor indelicado pode impor seu ponto de vista de maneira grosseira ou ofensiva. Não ceda a provocações e devolva a construtividade ao diálogo.
  • Traduzir ataque. Se necessário, recorra ao discurso ao sarcasmo. Tal gesto fará com que o interlocutor entenda as habilidades de usar armas conversacionais. Em alguns casos, mestres de escaramuças verbais podem perceber isso como um desafio para um duelo. E então você tem que procurar a resposta para outra réplica e, assim, para o infinito. Deixe o interlocutor entender que ele está errado e feche o assunto controverso.
  • Descubra o motivo do apelo. Existe uma categoria de pessoas que estão sempre conversando durante uma conversa. Para alguns, o sarcasmo é um tipo de manipulação. Precisa pensar qual o motivo do interlocutor? Talvez ele chame a atenção para si mesmo. Ou vice-versa, com a ajuda de observações pontuais, deixa a discussão.

Comportar-se com confiança em qualquer situação é a principal tarefa de todos. Se o interlocutor é imperturbável, será difícil para ele provocá-lo.

Se você é interlocutor desagradável

Infelizmente, não vivemos em um mundo ideal, onde todas as pessoas são gentis e prestativas. No caminho, também há pessoas que carregam negatividade e hostilidade na comunicação. Mas você precisa ser capaz de conversar com essa categoria de pessoas, a fim de aprender a sobreviver e estar na sociedade. Os psicólogos têm várias dicas para lidar com pessoas desagradáveis:

Dica 1: você deve começar com você mesmo. Se o interlocutor é desagradável, você deve entender que isso pode ser mudado dentro de você.

Dica 2: seja neutro. Se a situação é controversa, não há necessidade de descobrir quem está certo. De qualquer forma, todos permanecerão em sua opinião, e os interlocutores só estragam os nervos um do outro.

Dica 3: bom em uma pessoa desagradável. Antes de condenar o interlocutor, pense nisso, mas e se ele quisesse apenas o bem. As pessoas tendem a não perceber o bem. Eles acreditam que deveria ser. Mas quando algo é feito errado, é imediatamente perceptível. Portanto, você deve tentar elogiar e apoiar sua personalidade desagradável, se ele realmente merecer isso. Com o tempo, o mesmo pode ser ouvido no seu endereço.

Dica 4: Aumentar o espaço com um companheiro desagradável. Você pode trabalhar em outra sala, sentar do outro lado da mesa durante a conferência, tentar se comunicar mais com outras pessoas. Ignorar é um meio eficaz para um amigo desagradável se tornar um empregado comum, colega ou até mesmo um amigo.

Dica 5: Pense sobre o que você pode suportar e o que incomoda. Não leve isso ao coração. Talvez ele trate mal com todos ao seu redor. Afinal, há pessoas que estão constantemente insatisfeitas com alguma coisa. Eles têm expressões faciais severas e raramente têm um sorriso. Opção 2: tente mudar sua atitude leal em relação a si mesmo com sua comunicação ou comece a ignorar.

Dica 6: Honestidade. A abertura e a objetividade ajudarão a se livrar de pessoas desagradáveis. Se é impossível ajudar alguém, simplesmente recusar, você não deve dar desculpas. Muitas pessoas nem percebem que têm a capacidade de incomodar.

Dica 7: mudar alguém é improvável que tenha sucesso. O personagem é colocado na personalidade da educação desde a infância, por isso não tente mudar alguém. Mas sua atitude em relação a uma pessoa em particular pode ser mudada completamente.

Se você usar as dicas acima, a vida parece muito mais fácil.

Características de comunicação com o sexo oposto

Se uma pessoa não se cansasse do zero, muitos problemas, insultos, brigas e olhares de soslaio poderiam ter sido evitados. Todo mundo está inclinado a criar cantos afiados onde não há cantos em tudo. Em vez de curtir a comunicação com as pessoas ao nosso redor, chegamos a várias razões, e então ficamos ofendidos com a ficção.

Devido ao fato de a pessoa se enrolar, ele deixa de se comunicar com aqueles com quem deseja, por causa das restrições que inventa, o ressentimento e as emoções negativas se acumulam. Em vez de dirigir-se à estrutura, é melhor aproveitar reuniões e conversas. Это касается и противоположного пола.

При знакомстве с противоположным полом есть главное главное правило - начните разговаривать об увлечениях.

При появлении желания познакомиться с противоположным полом, полагаться только на красивый наряд или внешность не стоит. Удачный внешний вид поможет создать положительное первое впечатление, но куда более важен богатый внутренний мир, увлечения, рассказы и прочее. Поэтому полагаться только на внешность не стоит.

На первых порах при общении с противоположным полом может быть ощущение скованности. Это нормально. Так как у некоторых людей просто отсутствует четкий алгоритм поведения с новым знакомым. Неуверенная в себе личность боится сделать первый шаг и неправильно объясниться, поэтому у представителей обоих полов возникают комплексы.

Главный совет - перестаньте бояться общаться с людьми. Откройтесь им и тогда жизнь станет интереснее и насыщеннее.

Целью знакомства для женщины не должно быть замужество, а для мужчины - воспользоваться женщиной в постели. Не нужно отказываться полностью от своих намерений, однако, прежде всего, нужно быть благоразумным. Торопить события не стоит. Возможно найдется что-то общее. Запрещенными темами для разговоров являются: бывшие мужчины/женщины, работа, материальное благо, беседы о погоде.

При каждом новом знакомстве человека нужно воспринимать как приятеля/приятельницу. Знакомиться нужно просто так. Лишь только время покажет, во что перерастут отношения. Вести себя нужно, как друзья. Не показывать и не рекламировать себя, а проявлять настоящие качества.

Assista ao vídeo: 14 Dicas de Computador que Voce Desejaria Ter Aprendido Antes (Junho 2019).